Arte em forma de caricatura com Neuri J Reolon

Neuri Reolon trabalho artístico

Sábado, dia 24 de novembro, a Cambirela leva a Segunda Edição do Tubá-nharô Music & Arts Festival a Todai-Ji Club e promete muita arte independente, música e chopp artesanal.

No evento teremos a presença de Neuri Jorge Reolon, caricaturista e artista plástico que estará fazendo caricaturas ao vivo no Festival! Conversamos com o artista pra entender um pouco mais sobre sua arte.

Confira a entrevista:

ERICK ELLWANGER: Neuri, conta pra gente um pouco sobre você.

NEURI REOLON: Comecei com arte muito cedo. Meus pais tinham uma mercearia e meu maior tempo passava ali dentro rabiscando alguns desenhos e logo comecei a desenhar melhor. No primário desenhava muito, desenhava para todos da escola e no ginásio não foi diferente. Foi no ginásio que a pintura me levou para a escultura, e com meus 12 anos na minha 5 série comecei minhas primeiras esculturas.

Lembro que eu e meus irmãos íamos para a lavoura, e eu, como sempre ficava observando os troncos que ficavam no lado da lavoura, uns queimados e outros ali sem muita atenção por parte de meus irmãos, arrastava alguns tocos para casa, e, embaixo do galpão de meus pais, passava horas esculpindo os blocos de madeira com formões improvisados feitos com faca de inox que pegava escondido nas gavetas da cozinha de minha mãe. Foi assim que descobri minha paixão a escultura.

Hoje sou artista plástico, arte educador, arte-terapeuta, caricaturista e cenógrafo.

O que te despertou a paixão pela arte? 

Sempre tive um olhar mais sensível para as coisas simples, e isso me impulsionou para criar desenhos, pinturas, esculturas, peças de teatro entre outros. Acredito que foi este despertar que me inspira a criar minha arte.

Neuri Reolon caricaturista

“Sempre tive um olhar mais sensível para as coisas simples”

Neuri Reolon

Você vive atualmente apenas da arte?

Hoje vivo da arte!

Fala pra gente sobre tua atividade como professor de arte.

Trabalho com projetos sociais, oficinas de escultura em madeira, pedras, cimento, cerâmica e metal. Trabalho com oficinas terapêuticas com teatroterapia para terceira idade, teatro de rua, teatro de bonecos gigantes, teatro amador, laboratório de circo, oficina de desenho artístico, pintura mural e pintura artística. Trabalhei em várias escolas da região com a disciplina de artes

Gostaria de citar artistas que influenciam tua arte?

Artistas que me influenciam posso citar Picasso, Modigliani, Rodim, Franz, Krachemberg, Iberê Camargo, Xico Stonkinger.

“Artistas que me influenciam posso citar Picasso, Modigliani, Rodim, Franz, Krachemberg, Iberê Camargo, Xico Stonkinger..”

Neuri Reolon

E o seu trabalho com caricaturas?

A arte influencia a todas as pessoas a criarem algo novo, especial, diferente, sensível, independente dá linguagem das artes. Tão fundamental em todos os tempos, a arte cura, sintoniza e equilibra nossas emoções, nossos sentimentos. Nela encontramos equilíbrio, para o eu de cada um, e para o outro. As artes são importantes fatores de desenvolvimento para todos nós. E a caricatura é mais uma expressão disso.

Qual tua percepção sobre o cenário artístico da região?

O cenário artístico em nossa região e Estado deveria ter muito mais incentivo. Acredito que tem muito potencial em todas as linguagens das artes. Os artistas devem ser instigados à criação e poderiam acontecer mais feiras, amostras e exposições em todo o Estado, não se limitando a algumas regiões. Santa Catarina tem muita arte.

Qual a tua expectativa de fazer caricaturas ao vivo no Tubá-nharô Music & Arts Festival?

Minha expectativa em realizar o estúdio de caricaturas ao vivo no Festival é de muita alegria! Poder compartilhar a felicidade da casa, que já tem uma identidade cultural muito presente em Tubarão, isso é super bacana e participar deste evento vai ser muito massa! Vou contribuir com muita alegria e conhecer algumas histórias pela representação engraçada dos traços da caricatura dos clientes da casa, tornando este momento um momento diferente e especial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *